Como evitar mau cheiro na areia do seu gato!




Oie!!!





Tenho uma dica para os Gateiros, que facilita na hora de limpar a caixa de areia do seu gatinho e ainda tem aquela economia financeira.

Estava procurando pela internet um produto que ajuda a diminuir o cheiro da caixa de areia dos gatos. Na casa da minha mãe tem 5 gatos, e montamos sempre 3 caixas de areia no tamanho médio. Fazemos a limpeza das caixas 2 vezes ao dia. 

Mesmo com todos os cuidados, a areia sempre ficava com um cheiro ruim e a cada limpeza era metade da areia jogada fora. Então, resolvi pesquisar e achei um produto muito facil de encontrar e que faz toda a diferença. E esse produto é a farinha de mandioca. 

Quem diria que a areia com a farinha de mandioca seria a salvação das nossas vidas?! 

A farinha de mandioca ajuda da absorção do xixi, formando uma pedrinha, que não se mistura com o resto da areia seca. Na limpeza, é só retirar as pedrinha e o resto da areia fica limpa e sem cheiro, com desperdício zero. 

Vou explicar como você faz a mistura.

Para cada 1 kg de areia você vai precisar de 500 g de farinha de mandioca grossa.
É só colocar tudo na caixa, misturar bem e pronto! 



Eu recomendo a areia fina, pois testei com uma marca com grãos mais grossos e não deu certo. A areia que eu uso é da Pipicat com perfume, que na minha opinião, faz toda a diferença. Eu compro em supermercado atacadista e pago R$ 8,90, e a farinha custa R$ 6,00 mais ou menos.

E economiza mesmo? Economiza muito!

Não tem desperdício de areia e não fica cheiro. E é muito mais fácil de limpar as caixas. 

Eu sempre trago dicas que eu realmente gosto e acho que vai ajudar de alguma forma. Para quem tem gato, experimenta e depois vem me contar o que achou.



Os nossos gatos também adoraram, e ficam por perto só esperando ansiosos pelas caixas bem limpinhas...rsrs








Beijos...😽
------------------------------------------------------------------

Quer continuar cuidando do seu gatinho com todo o carinho?

Saiba como 👉Aqui, e veja como esses bebezinhos são incríveis!

Nenhum comentário :

Postar um comentário