As crianças da casa


Oi gente! Tudo bem?






Nesse post venho compartilhar meu amor por cachorro e gato, e mostrar algumas fotinhos das fofuras que tem aqui na casa da minha mãe.

Convivo com cachorro desde criança. Sempre fui apaixonada pelo jeito carinhoso e companheiro. A minha convivência com gatos é de um ano. Assumo que não era muito fã de gato. Achava sem graça, mas me surpreendi, e simplesmente me apaixonei. Também ganhei uma bela renite...rsrsrs....mas não ligo, estou sempre abraçando eles. 



Vou apresenta-los para vocês...


🐩 Essa é a Minnie. Ela tem 7 anos e está com a gente a mais de 5 anos. Ela era da minha irmã, mas minha irmã teve uma bebê prematura e não poderia ter animais em casa, então a Minnie veio morar aqui em casa por um tempo. Só que ela se apegou demais a minha mãe e não quis ir embora. Temos o privilegio de te-la aqui conosco. Ela é muito carinhosa e linda, apesar de ser ciumenta. Ela também não gosta de tirar fotos...rs. Amamos demais!



🐈 Essa é a Malu. Nós não sabemos quantos anos ela tem, eu acho que uns 2 anos no máximo. Ela chegou aqui em casa com fome, magra e gravidinha. Quando minha mãe resolveu ficar com ela ninguém sabia que ela estava esperando filhotinhos, e depois de um mês veio a surpresa, três filhotes, duas fêmeas e um macho. Minha irmão ficou com duas fêmeas e nós ficamos com o macho que batizamos de Dionísio. Uma das fêmeas da minha irmã e o Dionísio morreram depois de alguns meses, só sobreviveu uma. Eu tenho um post aqui no blog 10 dias depois que o Dionísio morreu, fez e faz muita falta. Se você quiser ler 👉 Clica aqui. Ela é um amorzinho, super calma e carinhosa, nem parece que tem gato em casa. Um docinho! 




🐈 E esse furacão aqui heim?! Esse é o Tobias. Ele apareceu aqui em casa à 1 mês. Gripado e com o olhinho esquerdo bem irritado. Com remédio e muito carinho ele melhorou. Minha mãe não queria, até chegou a procurar alguém para adotar mas ele demostrava que estava feliz com a gente, fez amizade com todo mundo, e minha mãe não quis mais dar para adoção. Então, ele é o novo integrante da família, que enche nossos dias de muitas risadas e carinho. Ele deve estar com 2 meses. Coisinha linda!





Tivemos um cachorro por nove anos e quando ele morreu ninguém quis mais adotar. Mas ficou um buraco por muitos anos em casa. Eu acho que bichinho de estima traz alegria para uma família. Aqui em casa eles são tratados como crianças, tem brinquedos, dormem na cama, come no mesmo horário que a gente, leva bronca, fica de castigo e tem todo amor e respeito que merecem. 
Eles dão gastos, dão "trabalho", mas só de chegar cansada em casa e ver todos felizes por eu estar chegando, sem esperar nada em troca a não ser atenção, não tem preço. 

Amo demais cada um deles, mesmo com a reniti atacada....rsrs.

Sempre mostro foto deles nas redes sociais. Se você ainda não me segue, os links estão meu perfil.




Espero que tenham gostado! Logo logo faço mais post sobre eles.







Beijos...💕 

Nenhum comentário :

Postar um comentário